mandag, november 21

do quotidiano espinhense( lunch time )

as novas ruas de espinho são laranjas e quando chove ficam brilhantes. parecem que ficam em estado de aquário vazio, os rostos que passam são como peixes fugindo.
à porta das malhas josilva, um realejo disfarçado de carrinho das compras debita êxitos caribenhos e paso dobles rocambolescos. um homem de pé, sem medo da chuva, impregna o ar com um trompete doidivanas.
quem passa foge rapidamente da chuva e não repara como é difícil a alegria.

2 Comments:

Blogger RAA apalavrou que ...

malhas josilva?... trompete doidivanas?... mas que post mais catita!...

tirsdag, november 22, 2005 11:17:00 p.m.  
Blogger maS.c0m apalavrou que ...

O brilho da chuva e as ruas mirambulantes que nos fogem aos pés. A alegria também.


*ela volta com os peixes...


ass.:Miguel Ângelo

søndag, november 27, 2005 12:51:00 a.m.  

Legg inn en kommentar

<< Home

No Celeiro