mandag, mai 23

tiro ao alvo II

( lugar da não-dedicatória)



o teu nome já não cabe
no meio-dia que trago no bolso,
não serve para abotoar o peito e ficar ao longe
a sorrir ao comboio que se atrasou
e não nos levou embora.

o teu nome já não serve de caminho
para outro lugar
que não este país, esta espera
esta maneira errada de nascer.
o teu nome já não serve para dizer

estou viva
a minha boca és tu .

1 Comments:

Blogger Luís Filipe Cristóvão apalavrou que ...

abro e fecho a boca, a habituar-me à tua presença

tirsdag, mai 24, 2005 1:51:00 a.m.  

Legg inn en kommentar

<< Home

No Celeiro