tirsdag, juni 21

tempo de antena

para converter aos meus renitentes amigos ao « agustinismo», vamos proceder a pelo menos uma postagem diária de agustina bessa luís:

O mar é licencioso;um barco é um território licencioso.Os seus cordames, as velas, o baloiçar, o salpicar da espuma, as nuvens que ele tem como protecção ou ameaça, o natural dos seus cardumes em flecha pelo ventre do mar, o respirar das baleias como um grande rim que vagueia, a permissão da sua solidão sem leis, os segredos, os tesouros, o grito das aves que acordam com um sentimento da terra, tudo isso interioriza um prazer e dá asas ao desejo que poucos homens conseguem ignorar. Pelo que Baltar era mais diabo do que eu o pinto.

As Terras do Risco , pag. 251

2 Comments:

Blogger Tiago Netto apalavrou que ...

argustinahhhh!!

rs rs rs

tirsdag, juni 21, 2005 1:42:00 p.m.  
Blogger ale apalavrou que ...

o menino tiago netto vá ler o nelson rodrigues e volte mais bem comportardo, oras!

tirsdag, juni 21, 2005 1:57:00 p.m.  

Legg inn en kommentar

<< Home

No Celeiro